Paris, França, O que fazer, Alugar Carro, Clima, Compras, Hotel

 


Palácio e jardins de Versailles 


Veja todas as informações e como conhecer o famoso Palácio de Versalhes na França. O luxuoso Palácio de Versalhes fica a pouco tempo de Paris, na cidade de Versalhes, e é um dos ícones da época dos reis franceses que preserva toda a riqueza da França de alguns séculos atrás.  O Palácio de Versalhes ficou famoso não somente por ser grandioso, mas também por ser um símbolo da monarquia absolutista francesa (principalmente, na época de Maria Antonieta). Hoje, o Palácio de Versalhes é um dos principais pontos turísticos de Paris e da França, recebendo cerca de 8 milhões de turistas todos os anos. Geralmente, quem vai ficar mais de três dias em Paris já agenda uma visita, pois ele é realmente impressionante. Para quem está planejando conhecer a cidade, o Palácio é parada obrigatória. 

Palácio de Versailles em Paris

E se você está planejando viajar para lá, não deixe de conferir também as dicas imperdíveis de como economizar muito em Paris e na França. São dicas muito boas, que valem a pena, e vão fazer você economizar muito em todo o planejamento da viagem e quando estiver lá. Sua viagem à França vai sair mais barata do que imaginava e você poderá gastar mais para aproveitar ainda mais sua viagem. Agora veja tudo sobre o Palácio de Versalhes na França.

O que você não sabe sobre o Palácio de Versalhes

O Palácio de Versalhes foi construído a partir de 1664, pelo Rei Luís XIV, o primeiro morador do palácio e famoso Rei Sol. A realeza morou no Castelo de Versalhes bem na época em que eclodiu a Revolução Francesa. O Palácio era considerado o maior da época, com mais de 100 hectares de extensão, divididos em 700 quartos e tudo com muito luxo - enquanto a população pouco tinha. Com o tempo e após demandas de Maria Antonieta, se transformou em um dos principais castelos do mundo, alvo de filmes e procura de turistas do mundo todo.

Palácio de Versalhes na França

Visita ao Palácio de Versalhes

Você pode notar toda a grandiosidade e luxo do Palácio de Versalhes na França já na entrada. Seu portão grandioso e chão quadriculado criam uma boa visão. Se preferir, você pode conhecer o espaço começando pelo enorme Jardim de Versalhes, com seus lindos canteiros floridos e ornamentados, estátuas e fontes (inclusive, à noite, costuma acontecer por lá o show de fontes Jardins Musicais em Versalhes). O espaço do jardim é realmente enorme e conta com atrações únicas, como a "casa-refúgio" que Maria Antonieta construiu no meio dele. Por conta de sua extensão, que ainda abrange jardins com temas específicos, cantos reservados, restaurantes, lagos e sorveterias, existe a possibilidade de pagar um pequeno preço e andar por um trenzinho, ou pagar um pouco a mais e alugar um carrinho elétrico (exige carteira de motorista). Lanches podem ser feitos no Grand Café d’Orleans do térreo ou no restaurante Angelina Versailles no primeiro andar. No jardim, dá para encontrar os restaurantes La Flotille e o La Petite Venise, além de outros quiosques.

 Palácio de Versailles em Paris

Já no interior do Palácio, você tem a oportunidade de visitar inúmeras alas e ver toda a imponência e luxuosidade dos monarcas franceses ao longo dos séculos. Como o complexo do Versalhes é gigante, a dica é dedicar um dia todo para conhecê-lo, aproveitando que o local oferece toda a infraestrutura necessária, com banheiros, restaurantes (ou lanchonetes mais em conta, onde você se serve com baguetes e frutas) e espaços para descanso. 



Atrações do Palácio de Versalhes


Dentro do Palácio, há várias salas onde vale a pena dedicar um tempo, como o Grande Apartamento Rei (um espaço particular do rei Luís XIV, formado por vários salões), o Grande Apartamento Rainha e a super famosa Galeria dos Espelhos (uma grande sala onde foi assinado o Tratado de Versalhes, cheia de espelhos ornamentais e uma áurea linda). Fora do Palácio também existem muitas atrações, além dos jardins. Como falamos, a mandato de Maria Antonieta, é possível visitar os pequenos palácios Grand Trianon e o Petit Trianon lá fora. Para saber mais, veja 10 dicas de Versalhes, onde você vê o que vai encontrar por lá e quais cômodos são imperdíveis.

Palácio de Versalhes na França

Ingressos e horários do Palácio de Versalhes


Palácio de Versalhes conta com diversos bilhetes de entrada. O mais completo deles é o Le Passeport (20€) que dá direito a visitar o Palácio, o Grand Trianon, o Domaine de Marie Antoinette, os espetáculos Grandes Eaux, os Jardins Musicais e as exposições temporárias, que ocorrem a cada estação. Outro ingresso é o Billet Château (18€), que permite o acesso ao palácio e às exposições temporárias, com direito a audioguia. Já o Billet Château Grand Trianon et Domaine de Marie Antoinette (12€) dá direito a conhecer as exposições temporárias, o Grand Trianon e o Hameau de Maria Antonieta, onde fica o Petit Trianon. Se preferir, compre o passaporte para dois dias por apenas 25 euros; e vale lembrar que para assistir o show das fontes, um valor a mais é cobrado por cada bilhete. Os ingressos são gratuitos até 18 anos. O Palácio de Versalhes funciona de terça a sábado das 9h às 18:30h. Lembre-se que o palácio fecha às segundas e nos dias 1º de janeiro, 1º de maio e 25 de dezembro. Já o jardim fica aberto durante todo o ano. Vale lembrar que nos primeiros domingos dos meses de novembro, dezembro, janeiro, fevereiro e março, o passeio é gratuito. Além dele, são várias as opções de Passeios em Versalhes.

Palácio de Versalhes na França

Como chegar ao Palácio de Versalhes vindo de Paris

Para chegar até o Palácio de Versalhes vindo de Paris há várias opções. 
Em trem: saia da estação Paris Montparnasse vá até a estação Versailles Chantiers ou então, saia da estação Paris Saint Lazare e desça na estação Versailles Rive Droite. 
De RER C: essa linha passa por várias estações em Paris, como Musée d’Orsay, Invalides, Saint Michel – Notre Dame, Pont d’Alma, Champs de Mars Tour Eiffel. Pegue a linha RER C5 e saia na Versailles Rive Gauche, que é a estação mais próxima do palácio.

 Palácio de Versailles em Paris

Não esqueça o seguro viagem obrigatório para Europa

Agora que você já sabe tudo sobre o Palácio de Versalhes na França, uma dica importantíssima que reforçamos para todos que estão planejando ir à qualquer país da Europa é que não se esqueça que fazer um Seguro Viagem Internacional é obrigatório para viajar para lá. Veja nossa matéria de Seguro Viagem para Europa com tudo o que você precisa saber sobre o assunto, quais são os melhores seguros e dicas para fazer um excelente seguro por um preço incrível economizando muito.

Dica para usar o celular à vontade em Paris e na Europa

Poder usar seu celular em Paris, na França, na Europa e em qualquer outro lugar do mundo é ótimo, pois ele acaba sendo muito útil. Você pode usar os aplicativos dos pontos turísticos e das cidades, os aplicativos de cupons de desconto, se for alugar um carro você economiza uns 100 euros por não precisar alugar um GPS pois poderá usar o do celular, pode pesquisar os endereços e horários dos lugares, ver a previsão do tempo para se planejar para os passeios e lógico ficar conectado com todo mundo através de aplicativos e postar suas fotos da viagem à França nas redes sociais. Se quiser, veja nossas dicas de como usar o celular à vontade na Europa. É super barato e você vai poder usar seu celular o dia inteiro e em qualquer lugar. O metrô de Paris, o Museu do Louvre, a Torre Eiffel e todos os outros pontos turísticos possuem aplicativos incríveis para os turistas. E usando a internet do seu celular você poderá pesquisar tudo sobre o Palácio de Versalhes na França quando estiver lá.

Usar o celular à vontade em Paris

Dicas para aproveitar melhor sua viagem à Paris

Agora que você já viu tudo sobre o Palácio de Versalhes na França, uma dica legal e que faz a diferença na viagem à Paris é escolher bem a localização do seu hotel e se hospedar perto das atrações turísticas. A cidade é enorme e ficando bem localizado você vai aproveitar muito mais e gastar muito menos tempo e dinheiro se deslocando até os lugares. Se quiser, veja nossa matéria de onde ficar em Paris, que lá tem as dicas das melhores regiões para se hospedar e também de como conseguir um ótimo hotel por um preço excelente (e achar hotéis excelentes em promoção nessas regiões que são super disputadas). Vale a pena caprichar na reserva do hotel em Paris.

Onde ficar em Paris

Outra dica importante para economizar dinheiro e tempo é com os passeios. Para conhecer a maioria dos pontos turísticos e museus de Paris é preciso comprar os ingressos de cada lugar. A dica é comprar todos os ingressos antes pela Internet, que além de serem sempre mais baratos, você economiza um bom tempo que perderia nas filas das bilheterias e já viaja com os ingressos em mãos e as atrações garantidas. Se quiser, veja aqui na matéria de ingressos para Paris todas as dicas, os mais vendidos e onde comprar todos os ingressos pelo melhor preço.

Veja outras matérias imperdíveis de Paris:

O que fazer em Paris: Principais atrações, passeios e lugares de Paris na França.


Compras em Paris: Dicas dos melhores lugares para fazer compras.
Dicas para andar de trem na Europa: Melhores empresas, trajetos, onde comprar passagens super baratas e todas as dicas.

Postar um comentário

 
Top